Fale conosco Adesão Login
X

Use seus dados para acessar

Esqueci minha senha

Câmara aprova salário mínimo de R$ 545

Após pressão do Palácio do Planalto sobre ministros e partidos que disputam os cargos do segundo escalão federal, a presidente Dilma Rousseff obteve ontem a primeira vitória legislativa ao conseguir aprovar na Câmara dos Deputados o valor de R$ 545 para o salário mínimo em 2011.
A proposta para elevar o valor a R$ 600 –promessa de campanha do PSDB– foi derrubada por larga margem: 376 votos a 106, com sete abstenções. Também foi negado o valor de R$ 560, proposto pelo DEM , com 361 votos contra. A sessão durou mais de dez horas. O projeto vai agora para o Senado.
O novo valor só entrará em vigor no primeiro do dia do mês seguinte à sua conversão em lei. Na mais otimista das hipóteses, será em 1º de março. Se isso ocorrer, o mínimo de R$ 545 continuará insuficiente para repor a inflação acumulada desde o reajuste anterior. Se confirmadas as recentes projeções para o INPC do primeiro bimestre, o novo mínimo terá em março um poder de compra 1,3% inferior ao de janeiro de 2010.
A Câmara também aprovou a fórmula de reajuste do mínimo que considera a inflação do ano anterior, mais o índice de crescimento da economia de dois anos antes até 2015. O reajuste seria dado por decreto presidencial. O PPS apresentou emenda para que essa regra fosse aplicada em forma de lei, mas essa proposta também foi rejeitada ontem.
Segundo o governo, um total de 47,7 milhões de pessoas recebem um mínimo, entre trabalhadores e beneficiários da Previdência.
Principais defensores de um valor maior, os representantes das centrais sindicais se uniram ontem a rivais, como o DEM. Petistas que saíram em defesa do governo foram vaiados. Entre eles o ex-presidente da CUT (Central Única dos Trabalhadores) Vicentinho (PT-SP), relator do projeto, chamado de “traidor”. “Tenho certeza que as vaias de hoje vão se transformar em aplausos em janeiro [de 2012]”, disse Vicentinho.  (Folha de S.Paulo)

Fonte:www.assprevisite.com.br

Notícias Recentes

Ação Solidária RS: sua contribuição fez a diferença!

Graças à generosidade de cada um dos colaboradores da CSN e dos aposentados e pensionistas da CBS Previdência, conseguimos arrecadar R$ 269.195,60 mil. Para potencializar ainda mais esta iniciativa, a CSN decidiu não apenas igualar, mas mais do que dobrar o valor doado, resultando em um montante total de R$ 900.100,00 mil. O recurso arrecadado […]

LER ARTIGO

Ação Solidária: sua doação em dobro

O Estado do Rio Grande do Sul enfrenta uma situação de calamidade pública que está mobilizando todo o País. A CSN está empreendendo diversas medidas para ajudar a população local. Se você quiser fazer parte desta rede solidária, poderá contribuir via PIX para a Fundação CSN. Para potencializar ainda mais esta iniciativa, a CSN irá […]

LER ARTIGO

Confira o Relatório Anual 2023 da CBS Previdência

Já está no ar o Relatório Anual 2023 da CBS Previdência. Nele, você encontra os principais resultados alcançados e os projetos que desenvolvemos ao longo do ano. Com linguagem simples, o documento apresenta detalhes sobre as iniciativas que realizamos para atingir os objetivos definidos no planejamento estratégico e para ajudar a fomentar a importância de […]

LER ARTIGO

Não deixe passar essa oportunidade

Aproveite o recebimento do abono para investir no seu futuro. Ao colocar uma parte do valor recebido no seu plano de previdência complementar, você: – Aumenta o seu saldo – Ganha um desconto no IR Quem faz a declaração completa do Imposto de Renda pode deduzir dos rendimentos tributáveis anuais as suas contribuições para a […]

LER ARTIGO